Conheça o CDI, o Centro
de Imagem do Hospital.
Saiba mais

DICAS DE SAÚDE


Infecção relacionada aos serviços de saúde (infecção hospitalar)


O Ministério da Saúde, com a Portaria nº 2.616, de 12 de maio de 1998, que regulamenta as ações de controle de infecção hospitalar no país, tornou obrigatórias as Comissões de Controle de Infecção Hospitalar em serviços de saúde, com o objetivo de criação do Programa de Controle de Infecções Hospitalares (PCIH), que é um conjunto de ações desenvolvidas deliberada e sistematicamente, com vistas à máxima redução possível da incidência e da gravidade das infecções hospitalares.

No Hospital São José existe a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar, representada pelo Serviço de Microbiologia, Farmácia, Administração e serviços de Apoio, que são os consultores e os membros executores (Serviço de Controle de Infecção Hospitalar: médico infectologista, enfermeira especialista em Infecção Hospitalar e auxiliar de enfermagem).

Alguns dos objetivos do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar são: melhorar a qualidade de atendimento aos pacientes; minimizar risco de infecção relacionada aos serviços de saúde; participar nos treinamentos e desenvolvimento de ações padronizadas; manter vigilância contínua no surgimento e controle de microorganismos resistente, bem como daqueles transmissíveis e surtos; promover e diminuir os riscos ocupacionais para profissionais da área da saúde, juntamente com o SESMT (Serviço de Medicina do Trabalho) e Segurança do Trabalho.

Atualmente, a infecção hospitalar é denominada Infecção relacionada aos serviços de saúde e está ligada à qualidade de atendimento e cuidados. Porém, também são envolvidos fatores do paciente, como doenças imunossupressoras, tabagismo, obesidade e desnutrição, entre outros. O desenvolvimento da Medicina gerou procedimentos mais invasivos, como sondas, cateteres e tubos, que muitas vezes salvam a vida, porém, aumentam o risco de infecção.

KPC – Klebsiella pneumoniae carbapenemase

É uma bactéria que, primariamente, causa infecção do trato urinário, abscesso hepático e pneumonia em pessoas saudáveis. A KPC causa várias infecções no ambiente hospitalar: ITU, pneumonia, septicemia, infecções do trato biliar, meningite e peritonite, geralmente em pacientes com doenças ou fatores de procedimentos invasivos.

A forma de prevenção da transmissão dessa bactéria é:

  • Higienização das mãos
  • Precaução de contato
  • Cuidados no manuseio de dispositivos invasivos
  • Higiene do ambiente
  • Manutenção dos cuidados necessários ao tratamento do paciente

Tendo em vista a importância da família e amigos para a recuperação do paciente, mas entendendo que para um adequado processo de recuperação é fundamental o menor fluxo de pessoas no Ambiente Hospitalar, o Hospital São José reorganizará os horários de visitas a partir de julho de 2011.

Os motivos para os novos horários de visitas são:

  • Minimizar a exposição dos pacientes às pessoas, visto que muitos pacientes podem apresentar diminuição na sua imunidade (por ter o mecanismo de defesa diminuído), seja em virtude da doença ou pelo próprio tratamento.
  • Evitar a superlotação nos quartos, o que favorece a disseminação de microorganismos.
  • Melhor orientação aos visitantes e acompanhantes sobre os cuidados com o paciente e sua postura dentro da instituição.
  • Evitar as visitas de menores de 12 anos, pois são suscetíveis a várias doenças contagiosas que podem estar em período de incubação (ainda não manifestada).
  • Trazer mais conforto e cuidados aos pacientes internados, evitando movimentação intensa nos quartos e enfermarias.
  • Minimizar constrangimento aos pacientes que necessitam de mais cuidados e daqueles dependentes, evitando exposição em demasia.

Horário de visita de segunda a sexta-feira

Enfermarias (Setor I e II)
Manhã: 10h30min às 11h30min
Tarde: 14h30min às 16h00min
Noite: 17h30min às 18h30min

Maternidade e Apartamentos
Integral: 10h00min às 19h00min

UTI I
Tarde: 16h00 às 16h30min
Noite: 19h30min às 20h00min

UTI II
Tarde: 17h00 às 17h30min
Noite: 20h00 às 20h30min

Horário de visita de sábado e domingo

Enfermarias (Setor I e II)
Manhã: 10h30min às 11h30min
Tarde: 14h30min às 16h00min

Maternidade e Apartamentos
Integral: 10h00min às 19h00min

UTI I
Tarde: 16h00 às 16h30min

UTI II
Tarde: 17h00 às 17h30min

  • A UTI não é liberada a noite nos finais de semana.
  • Não é permitida a entrada de menores de 12 anos.
  • Pacientes em Isolamento, a visita é restrita até a liberação médica.

Willy M. HiragaMédico Infectologista CRM/SC 9868

Teresinha T.T. WendorffEnfermeira Especialista em Infectologia COREN/SC 059767